Seja bem vindo!

Em um mar de tantas doutrinas e teologias equivocadas, está cada vez mais difícil pescar algo realmente bíblico... É preciso ir à águas mais profundas...

"Vamos Pensar?" é um Blog para você que gosta de pensar, debater e não aceitar tudo do jeito que é e sempre foi. Aqui você encontrará debates entre amigos, textos apologéticos, música, pensamentos meus e seus e outras coisas mais.

Bate papo do Novo Homem com a Bíblia

sexta-feira, 11 de setembro de 2009

- Quanto tempo não conversamos... Acredite, estou com muitas saudades suas...
- E eu também de você, meu amigo... Mas creio que ainda se lembra que em nossa amizade não pode existir saudade...
- Lembro... Mas tenho tido dificuldade para vir aqui conversar com você... Estou tendo que fazer tantas coisas, ir a tantos lugares, estudar tanto e... Tem sido tão difícil... Mas sinto sua falta...
- Sentir saudades é um bom começo, mas quero te levar adiante disso... Quero estar contigo todos os dias... Aliás, se me lembro bem, este foi um pedido seu, creio que se recorda...
- Como eu poderia esquecer? Meu amor por você não mudou em nada... Mas estou realmente precisando muito de sua ajuda, não quero mais estar distante de você... Por favor, me ajude a te encontrar mais vezes... O que posso fazer? Como estar aqui todos os dias? Onde tenho falhado?
- A palavra é prioridade. Se nosso encontro diário lhe for uma prioridade, então você conseguirá.
- Também tenho ouvido isso na escola...
- Há tempo para todas as coisas (Ec 3:1) Você precisa saber dividir seu tempo. Naquilo que você dá mais prioridade você investirá mais tempo. A decisão é sua...
- Mas mudando de assunto, eu também tenho notado que você está um pouco desanimado, meu amigo...
- É verdade... Tem acontecido algumas coisas comigo e eu não estou sabendo como lidar com isso... Eu fico em dúvida se o que estou prestes a fazer vai magoar meu amigo... Você sabe de quem estou falando...
- Claro! Como não saber...
- Então acabo fazendo e me sinto tão triste depois... A sensação é que como se eu o estivesse traindo... Ele fez tanto por mim e eu nem me esforço para saber que aquilo o desagrada... Ai... Meu coração tem doído tanto, amiga...
- Se você quiser eu posso te ajudar...
- Quero muito!
- Então eu vou te ajudar! Com muita alegria! Pelo amor e zelo que tenho por você! Eu conheço muito bem Ele...Aliás, eu só falo dele o tempo todo, não é? Posso te dizer, quem Ele realmente é... Tenho percebido que você tem ouvido muitas coisas erradas a respeito dele... Por isso você não o conhece de verdade ainda... Mas você vai precisar andar mais tempo comigo, vai precisar estar aqui bem mais vezes, pois tenho muito para te falar sobre ele...
- Sério??? Que Bom! Eu preciso muito saber mais dele! Eu o conheço tão pouco e Ele sabe tanto de mim... Como pode um relacionamento assim? Quero conseguir corresponder ao amor que Ele tem me oferecido...
- Quanto tempo temos hoje?
- Não sei... Talvez alguns minutos... Acho que uns dez no máximo...
- Com esse tempo eu vou só vou poder te falar muito pouco dele... Prioridades, lembra?
- Lembro, mas ...
- Lembra do dia em que eu os apresentei?
- Claro! Que dia... Eu não me canso de lembrar...
- Eu gosto de ouvir você contando essa história... Aliás, há um bom tempo eu não a ouço contando para ninguém...
- É que meu tempo tem sido... Ah , você já sabe.
- Conta pra mim?
- Mas você já a conhece melhor do que eu!
- Eu gosto de ouvir você falando sobre aquele dia... Seu rosto fica tão bonito... Seu sorriso se torna mais cativante ainda... Conte-a pra mim!
- Está bem! Tudo começou com o Criatura. Ele já andava estranho há algum tempo, com umas conversas que eu não estava entendendo... Ele estava se fazendo muitas perguntas e disse que precisava de respostas urgentes senão não agüentaria mais viver com toda aquela ansiedade no peito... Até que eu tentei ajudá-lo, mas não adiantou nada... Tudo o que eu lhe falava não trazia a tal da paz que o Criatura disse que precisava... Ele recebeu um convite para ir à casa de um colega que eu não conhecia... Estranho, a maioria dos amigos dele eram os meus também... Enfim, acho que o nome do rapaz era... Renega...
- Regenerado.
- Isso! Eu ia falar Renegado... Está vendo? Você conhece melhor do que eu essa história...
- Continua!
- Bom, ele foi na casa do tal Regenerado e ouvir você falar... Você deve ter falado muito, não?
- Não, eu fui direto o ponto... Certeira como uma flecha do caçador...
- Pois é, tudo o que você falou para ele tirou a ânsia do seu peito e lhe trouxe essa paz que ele a tanto procurava. No mesmo dia, era uma quinta feira à noite, ele foi lá em casa. Disse que tinha te conhecido e que você apresentou Jesus para Ele... Criatura não parava de chorar e me disse que Jesus tinha mudado o nome dele, do mesmo jeito que depois Ele fez com o meu... O nome dele passou a ser Nova Criatura. Na hora achei meio estranho o novo nome... Mas ele estava tão feliz que eu não podia negar que aquele Jesus tinha mudado pra melhor meu amigo. No dia seguinte ele passou lá em casa e me levou para uma Casa de Oração. Lá, eu ouvi você falando... Ah, você lembra... Suas palavras naquele dia foram tão duras... Você me disse eu era um pecador e estava muito distante de Deus e que só Jesus me levaria de volta para os braços do Grande Deus... Naquele dia eu não entendi o que era, mas algo dentro do meu coração ardia me mostrando os meus erros e o quanto eu precisava de Deus... Hoje eu sei quem me convenceu que eu precisava me arrepender das coisas erradas que tinha feito... Naquele momento você me falou que Deus me amava tanto que tinha enviado seu único filho para morrer em meu lugar (Jo 3:16), mesmo sendo eu o errado... Aquilo que mexeu tanto comigo... Como alguém poderia entregar seu filho, único filho, por alguém tão... Tão... Tão indiferente à Ele como eu? É por isso que ainda sinto que eu não correspondo à Jesus como deveria... Não consegui resistir a tanto amor e resolvi me entregar aos cuidados dele! Fiquei tão feliz quando você me falou que qualquer pessoa que fosse para Ele de modo algum Ele lançaria fora (Jo 6:37)... Ouvir aquilo foi maravilhoso! Eu já tinha sido tão rejeitado... A sua voz, querida amiga, foi a mais bela e penetrante que já ouvi em toda a minha vida... Eu te amo tanto...
- Também amo você, meu garoto!
- Foi naquele dia que Jesus mudou meu nome, como tinha feito como o Criatura, agora Nova Criatura.
- Ele lhe deu um nome muito bonito!
- É verdade! Eu gostei muito...
- Se você pudesse ver seu rosto como eu estou vendo agora, entenderia porque eu te peço para você contar novamente essa história...
- Como ele fica?
- Bonito! Formoso! Porque a Alegria do Coração aformoseia o rosto. (Pv 15:13) E realmente é notória a sua alegria ao compartilhar seu encontro com Jesus... Você deveria contar essa história todos os dias... Tem muitas pessoas que não querem me ouvir, nem me ver de longe... Porque muitos têm falado mentiras ao meu respeito... Dizem que sou falsa e me contradigo em minhas palavras... Mas se você contar sua história e me apresentar para elas, eu poderei falar do seu amigo Jesus para todas elas... O que você acha?
- Acho que ainda não sou o que Jesus quer que eu seja... Não sinto um amor tão profundo ao ponto de estar disposto a contar minha história e te apresentar para meus amigos... Não quero ser assim, amiga...
- Eu valorizo os pequenos começos. Reconhecer suas fraquezas e falhas é sempre o primeiro passo, mas como já lhe disse, quero te levar além...
- Obrigado por tudo o que tem feito por mim! E sei que ainda fará mais! Eu vou conhecer mais a Jesus por você... Obrigado, querida! Levarei você comigo por onde eu for! Quero escondê-la em meu coração para não pecar contra meu Deus! (Sl 119:11)
- É isso aí! Já está falando como eu! E é aí que Jesus quer que você esteja: Falando como eu, vivendo o que você aprende de mim e agindo como Ele! Bom começo...
- Poxa... Que paz eu sinto ao ouvi-la! Suas palavras sempre mexem com meu coração e minha mente... Que alegria foi ter conhecido você naquela sexta feira à noite...
- O prazer foi meu!
- Bom, eu preciso ir dormir agora... Amanhã vou levantar bem cedo, tenho que ir para a escola...
- Que tal marcamos um encontro antes de você ir para a aula?
- Antes de eu sair? É muito cedo...
- Prioridades...
- Ok! Ok! Você tem razão... Mas... Um dia chegarei ao ponto de querer estar com você em todos os momentos não por obrigação apenas?
- Se você me conhecer profundamente e encontrar em mim o seu único alimento, sim. Caso não, você me ouvirá apenas por pura religiosidade e nossos encontros serão cada vez mais escassos e superficiais... E desta forma, eu não poderei te apresentar Jesus como Ele realmente é...
- Que terrível! Que isso nunca aconteça! Sei que chegará o dia em que te amarei mais do que todas as coisas! E ouvirei somente a sua voz!
- A decisão é sua! Esse dia chegará quando você quiser que ele chegue...
- É muita informação para minha cabeça...
- Mas eu nem comecei...
- Bom, amanhã nos falamos mais! Foi um prazer te encontrar nessa noite!
- Eu também gostei muito. Ah, você esqueceu-se de me falar qual era seu antigo nome antes de Jesus trocá-lo.
- Meu nome era Velho Homem, você esqueceu?
- Não, claro que não. Eu só queria me certificar que você também não tinha esquecido...
- Você...
- Boa Noite, Novo Homem!
- Boa noite, Bíblia, querida amiga!

0 comentários:

 

Seguidores deste Blog

Vídeos do Claudio

Loading...

Pesquisar neste blog

Ocorreu um erro neste gadget
Ocorreu um erro neste gadget

© 2010 Vamos Pensar? Design by Dzignine
In Collaboration with Edde SandsPingLebanese Girls